Alta no preço do milho e da soja traz risco de desindustrialização para o Vale do Taquari

286

A alta do preço do milho e da soja, usados como insumo na fabricação de ração para animais, foi tema de reunião virtual nesta quarta-feira (5) entre o secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Edson Brum, o vice-presidente da CIC do Vale do Taquari, Gilberto Piccinini, produtores de proteína animal, representantes de entidades, prefeitos e vereadores. O receio é que o valor elevado possa acarretar em riscos significativos para a economia da região, inclusive com a possibilidade de desindustrialização.

De acordo com os relatos feitos pelos participantes do encontro, o aumento significativo dos produtos nos últimos meses encareceu o custo para criadores de frangos e porcos. Consequentemente, irá impactar no preço da proteína animal.

O secretário de Desenvolvimento compreendeu a gravidade da situação e, nos próximos dias, irá promover reuniões com representantes da Bancada Federal Gaúcha. O objetivo é fazer com que a pauta chegue até Brasília, especialmente no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Edson Brum também afirmou que vai defender ações mais efetivas do governo federal a respeito do assunto.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome