Assembleia reforça pedido para imunizar educadores

17

Em ofício endereçado ao governador Eduardo Leite, a Assembleia Legislativa solicitou início imediato da imunização dos professores e demais trabalhadores em educação no Estado. O documento considera relevância da categoria para o futuro das gerações impactadas pela interrupção das aulas desde o ano passado.

Pelo menos seis prefeituras já haviam começado a vacinar docentes e profissionais da educação com doses remanescentes. Nos próximos dias, mais sete cidades estão previstas para dar início da imunização dos professores. Estima-se que, até amanhã, sejam vacinados, pelo menos, 1,8 mil profissionais, entre professores, trabalhadores da cozinha, faxina e setor administrativo.

Em Porto Alegre, a ideia da prefeitura é colocar o tema da antecipação da vacinação ao grupo de professores e trabalhadores da educação em discussão na próxima audiência de conciliação, marcada para amanhã (14).

A partir da aprovação, os professores já poderiam receber as vacinas. A prefeitura já deve deixar um plano montado para colocar essa vacinação em prática

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome