InícioDestaqueJoão Dória desiste de concorrer a presidência

João Dória desiste de concorrer a presidência

João Dória do PSDB não é mais pré-candidato a presidente da república. O anúncio foi feito nesta segunda-feira, 23 de maio, e contou com a presença do presidente do PSDB, Bruno Araújo.

O ex-governador de São Paulo se reuniu com a cúpula tucana na manhã desta segunda-feira para definir seu futuro político dentro do partido e também qual será o seu papel na construção das eleições deste ano. Desde a semana passada, lideranças do seu partido tentavam fazer com que o ex-governador desistisse espontaneamente de concorrer à Presidência.

“Me retiro da disputa com o coração ferido, mas com a alma leve, com a sensação de dever cumprido e missão bem realizada”, disse Dória.

- Advertisement -

A situação ficou mais complicada na semana passada quando MDB, PSDB e Cidadania indicaram, de forma ainda não definitiva, que a senadora Simone Tebet (MDB) será a cabeça de chapa dos três partidos na disputa ao Palácio do Planalto, representando a terceira via. A decisão só sai na terça-feira, dia 24 de maio, quando a Executiva das três legendas deve aprovar o nome dela.

Doria chegou ameaçar recorrer à Justiça para que as prévias do partido, realizadas no fim do ano passado, sejam respeitadas e que ele seja o candidato tucano.

Porém se cogita que a questão apontada pelos presidentes dos partidos de terceira via para a escolha de Tebet é a taxa de rejeição. Doria tem 28% de rejeição, enquanto a senadora por Mato Grosso do Sul aparece com 8%. O pré-candidato com maior rejeição é o presidente Jair Bolsonaro (PL), com 43%, seguido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), com 40%.

 

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome

SIGA-NOS

42,064FãsCurtir
11,807SeguidoresSeguir
1,140InscritosInscrever

ÚLTIMAS

error: Alerta: Conteúdo protegido contra cópia. Utilize nossos botões de compartilhar.