Município de Anta Gorda participa do processo de votação da Consulta Popular

141
Secretário da Agricultura de Anta Gorda, Joelmo Balestrin e presidente do Comude, Marta Helena Dalpasquale

Ocorreu na segunda-feira, 19, a reunião do Codevat com os membros dos Comudes da região do Vale do Taquari.  Na ocasião houve a apresentação da assembleia microrregional e da assembleia geral ampliada; treinamento do aplicativo offline; e cédula de votação com os três projetos escolhidos.

Conforme assembleia ficou definida a cédula de votação para o Vale do Taquari, sendo disponibilizado o valor de R$628.571,43. Somente um projeto será beneficiado. O processo de votação ocorre entre os dias 4, 5 e 6 de setembro pelo site http://www.consultapopular.rs.gov.br

O município de Anta Gorda foi representado pela presidente do Comude, Marta Helena Dalpasquale. Mais, uma vez o município de Anta Gorda participa do processo de votação. A Secretaria da Agricultura realiza trabalho conjunto com o Comude para mais uma vez escolher as demandas para o município.

No ano de 2018 foi feito um trabalho conjunto e o município conseguiu o valor de R$55.233,00 para o projeto de manejo e correção do solo, sendo que o valor deve ser pago até o final deste ano.

Neste ano, o município trabalha mais uma vez com a demanda de manejo e correção do solo, pleiteando o valor de R$ 48.351,65. De acordo com o secretário da Agricultura Joelmo Balestrin, o valor é pequeno, no entanto tem a possibilidade de beneficiar diversos produtores, conforme já foi realizado e outras oportunidades, onde ocorre a inscrição de produtores e após análise do Conselho da Agricultura e posterior beneficiamento.

As votações podem ser realizadas pela internet por meio do site da Consulta Popular, diretamente na Prefeitura com a Marta ou na Secretaria da Agricultura com Joelmo. Para votar é necessário possuir título de eleitor.

 

Cédula de Votação Consulta Popular para o ano de 2019

 

1 – Programa de uso, manejo e conservação do solo e da água para os produtores do Vale do Taquari. Os recursos serão destinados aos 13 municípios que obtiverem maior votação, proporcional ao número de eleitores, recebendo o valor de R$ 48.351,65 cada um dos municípios.

 

2 – Fortalecimento das cadeias produtivas da erva-mate, piscicultura, apicultura e hortigranjeiros do Vale do Taquari. O projeto contempla diagnóstico, qualificação de produtores e organização das cadeias produtivas. Valor de R$ 157.142,86, para cada uma das cadeias produtivas. Projeto a ser executado pelo Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Rio Taquari – Consisa.

 

3Fortalecer e ampliar os atrativos turísticos regionais, do Vale do Taquari com qualificação de atores e criação de novos roteiros turísticos. Projeto a ser executado pela Amturvales – Associação dos Municípios de Turismo da Região dos Vales.

 

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome