Operação resgata três pessoas de situação análoga a escravidão

2286

Uma grande operação realizada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), Polícia Federal (PF),Subsecretaria de Inspeção do Trabalho (SIT), Ministério Público Federal (MPF) e Defensoria Pública da União (DPU), resgatou mais de cem pessoas nos últimos dias de situações de trabalho análogas à escravidão como resultado da maior força-tarefa já realizada no Brasil contra o trabalho escravo.

Destas cem, sete pessoas foram resgatadas no Rio Grande do Sul, três em Fontoura Xavier um homem de 30 anos, uma mulher de 52 e um jovem de 19 anos, estes últimos mãe e filho com deficiência, estavam há três anos em situação análoga à escravidão em plantio e colheita de fumo. E quatro em Venâncio Aires, homens de idades entre 30 e 50 anos vinham sendo mantidos em condições irregulares trabalhando na produção de carvão por um período entre três meses e um ano.

Mais informações na edição impressa.

Confira a entrevista coletiva para a divulgação do resultado da operação:

 

 

 

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome