Prioridade na vacinação de professores é pauta de reunião

295

Em reunião realizada na manhã de quinta-feira, 25, em Porto Alegre, o Presidente da Associação Gaúcha de Municípios (AGM) e presidente do Consisa, Marcos Scorsatto, esteve solicitando junto ao estado que torne prioritária a vacinação de professores no Rio Grande do Sul, tanto da rede pública quanto privada. A antecipação da vacina é capaz de viabilizar o retorno das atividades escolares, suspensas em razão da pandemia.

O prefeito de Itapuca juntamente com o diretor executivo da AGM, José Scorsatto, se reuniu com o secretário-chefe da Casa Civil, Artur Lemos Júnior, o presidente da Amvat, Paulo Kohlrausch, do prefeito de Estrela, Elmar Schneider e do chefe de gabinete da Casa Civil, Jonatan Brönstrup.

Uma das solicitações foi maior agilidade na distribuição e aplicação das vacinas contra Covid-19, uma vez que o Estado segue o Programa Nacional de Imunizações. Nesse primeiro momento, as prioridades de vacinação são trabalhadores da área da Saúde, da linha de frente contra Covid-19, rede de urgência e emergência e da atenção básica. Logo após idosos que vivem em casas de longa permanência indígenas e aldeados. Os professores não fazem parte do grupo prioritário.

O Chefe da Casa Civil reconheceu à importância da volta as aulas, e adiantou que o Estado irá formalizar um pedido junto ao Ministério da Saúde para alteração do cronograma.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome