InícioDestaqueRede Bem Cuidar, projeto que irá qualificar a atenção primária no RS,...

Rede Bem Cuidar, projeto que irá qualificar a atenção primária no RS, conta com adesão confirmada de mais de 70 municípios

O Departamento de Atenção Primária e Politicas de Saúde (DAPPS), da Secretaria da Saúde (SES), em balanço realizado nesta quinta-feira (23/9), confirmou a adesão de 71 municípios gaúchos à Rede Bem Cuidar RS (RBC/RS), programa lançado em agosto pelo governo do Estado para qualificar o atendimento na rede básica de saúde do Estado. Outros 41 municípios já encaminharam documentação, porém o DAPPS aguarda ajustes nas informações para a homologação. Entre os municípios que já indicaram a equipe de Saúde de Família e confirmaram adesão à RBC estão Santa Rosa, Ijuí, São Vendelino, Rondinha, Santa Cruz do Sul, Rio dos Índios, Bagé, Osório e Estrela.

“Somente com a adesão à RBC/RS os municípios garantirão custeio mensal de 8 mil reais, além de receber 30 mil reais para a implantação. Municípios que não aderirem abrem mão do componente estratégico do Programa Estadual de Incentivo para a Atenção Primária à Saúde (PIAPS). É importante atenção ao prazo, que se encerra na sexta-feira, dia 1º de outubro. Outro ponto importante é que somente os municípios que aderirem ao programa podem se habilitar aos recursos para reformas e ampliações nas unidades, por meio de edital já aberto”, explica a secretária adjunta da SES, Ana Costa.

A RBC/RS é uma abordagem nova no atendimento à saúde, que busca contemplar de forma mais efetiva as demandas da comunidade e fazer com que cada unidade se adapte, ainda mais, à realidade local. O projeto, inicialmente, será focado na população idosa, priorizando a atenção em saúde para o envelhecimento saudável, inclusive com certificação dos serviços de saúde como Unidades Amigas do Idoso.

“A ideia da Rede Bem Cuidar RS é construir soluções com e para a comunidade. É para eles que existem os serviços, e, por isso, queremos trazê-los para mais perto das decisões, focando na promoção à saúde e na prevenção. É difícil dizer quando uma vida foi salva por uma medida de prevenção, mas com certeza, os postos de saúde são autênticos protetores das vidas das pessoas”, disse Ana Costa.

A experiência da Rede Bem Cuidar iniciou em Pelotas, com a ideia de colocar o olhar da gestão dos recursos públicos para população, equipe de saúde, gestor municipal e gestor estadual. Cada município escolhe e indica uma equipe de Saúde da Família (eSF) para participar do programa.

Clique aqui para acessar o formulário de adesão

Mais informações em Rede Bem Cuidar

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome

SIGA-NOS

42,064FãsCurtir
11,807SeguidoresSeguir
1,140InscritosInscrever

ÚLTIMAS

error: Alerta: Conteúdo protegido contra cópia. Utilize nossos botões de compartilhar.