Secretário de Saúde solicita apoio da Brigada Militar

1366

O Secretário de Saúde, Daniel Borges de Lima, esteve solicitando o apoio da Brigada Militar para acompanhar as equipes da Vigilância Sanitária, para cumprir as medidas anunciadas pelo prefeito Jaime Borsatto, que determinou o fechamento do comércio de Arvorezinha.

As equipes de vigilância estão passando no comércio solicitando o fechamento das portas, o atendimento deve ser realizado apenas no sistema de tele entrega e pegue e leve.

O secretário ressaltou que a Brigada Militar se comprometeu a dar todo o suporte necessário para a fiscalização. “A Brigada Militar vai disponibilizar tudo que nós precisarmos. O apoio da BM é uma grande soma, fomos atendidos prontamente, e acreditamos que com esse apoio vamos conseguir fazer mais. Com essa soma de esforços acredito que a população se dará conta da gravidade da situação e passará a contribuir mais na prevenção”.

O secretário foi recebido pelo Sargento Peixoto, este afirmou que no primeiro momento será trabalhada a conscientização da população. “Devido essa crise que está se agravando primeiro vamos tentar trabalhar na consciência das pessoas, para que respeitem os decretos municipal e estadual. Acredito que a   parceria da Secretaria de Saúde e a BM pode contribuir e muito para que possamos estabilizar essa situação de pandemia, cada um atuando dentro da sua competência”.

O Sargento afirma que todos os casos serão averiguados.  “A gente vai averiguar as denúncias, em caso de  estabelecimento comercial que não esteja cumprindo o decreto ele é passível de multa e suspensão do alvará, tanto nós como a Secretaria iremos atuar. Mas sempre lembrando que o primeiro objetivo é orientar e punir se houver resistência”.

Segundo o sargento aglomerações também serão coibidas pela BM. “Vamos atuar também para as aglomerações em ruas e praças públicas, vamos tentar orientar e com certeza se houver alguma resistência essas pessoas também poderão responder. Então, eu acho que se nós trabalhamos com consciência, a gente consegue estancar essa situação que estamos vivendo hoje”.

O governador, Eduardo Leite, anunciou ainda na sexta-feira, 19, o apoio das forças policiais para conter as aglomerações e para cumprir as determinações do Poder Público.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome