Subsídios dos agentes políticos para a próxima gestão deverão ser votado nas próximas sessões

217
Projetos começam a tramitar na Câmara

Começa a tramitar na Câmara de Vereadores de Putinga na sessão ordinária desta terça-feira, 15, os projetos de lei de origem legislativa nº 003/2020, 004/2020 e 005/2020 que fixa o subsídio do prefeito, vice-prefeito, secretários e vereadores para a legislatura 2021/2024.

A proposta inicial é para manter os valores pagos atualmente, que é para prefeito R$ 13.095,51, vice-prefeito R$ 6.670,95, secretários municipais R$ 4.545,97, vereadores R$ 2.619,09.

As propostas preveem ainda que os valores fixados nas leis, serão reajustados na mesma data e índice em que forem reajustados os vencimentos dos servidores do Município, a título de revisão geral anual, estritamente vinculada à existência de real inflação.

Em caso de viagem para fora do município, a serviço ou representação do município, o prefeito, vice-prefeito, secretários e vereadores receberão diárias nos termos da legislação vigente.

No mês de dezembro, além do subsídio normal, os agentes políticos receberão na data em que for pago o décimo terceiro aos servidores municipais, o valor correspondente ao subsídio vigente no mês de dezembro.

O presidente da Câmara receberá, juntamente com o subsídio, a título de verba de representação, a importância de 25% sobre o subsídio de vereador.

O vereador Paulo Ramos, (PTB), apresentou um projeto de lei propondo uma redução de 25% dos salários e teve apoio do vereador Alduir Strapasson. Eles poderão apresentar emendas aos projetos de lei propondo a redução.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome