Essa matéria é exclusiva para assinantes do jornal digital.

Já sou assinante do jornal digital!

InícioDestaqueCTG Osório de Assis conquista 7º lugar no Juvenart

CTG Osório de Assis conquista 7º lugar no Juvenart

A invernada juvenil do CTG Osório de Assis da cidade de Fontoura Xavier, representou a 14ª Região Tradicionalista (14ª RT) no Juvenart, concurso estadual de danças tradicionais da categoria juvenil, na cidade de Restinga Seca, nos dias 29, 30 e 31 de julho. O evento, que ocorre há vários anos, foi promovido pelo CTG Sentinela da Querência, de Santa Maria.

 

A invernada fez sua apresentação no dia 29, pela parte da manhã, sendo a segunda entidade a se apresentar. Na oportunidade, disputou com outras 26 invernadas, as melhores das regiões tradicionalistas, obtendo o 7º lugar. “Para nós foi uma honra, um orgulho poder estar lá depois de muito tempo sem o nosso CTG conseguir participar. Foi um trabalho de quatro meses, onde uma equipe inteira pegou junto para que conseguíssemos esse resultado”, destaca a patroa do CTG Osório de Assis, Elisandra Chitolina de Oliveira. Na tarde da terça-feira, 02 de agosto, a entidade fez uma carreata pelas ruas de Fontoura Xavier.

 

De acordo com a patroa, grupos muito bons participaram do Juvenart. “Muitos grupos foram embora ainda na sexta-feira e nós ficamos classificados. Então, só por esse fato já estávamos realizados e nós só não ficamos em 5º lugar por detalhes. Enfim, foi muito especial, pois tivemos a oportunidade de divulgar a nossa região, o nosso município, o nosso CTG. Com certeza continuaremos nossa caminhada e tentaremos ir para o Enart no ano que vem”, frisa.

 

Ela segue: “Buscamos muito esse resultado e saímos com a motivação de que a gente pode, é só querer. Agora iremos ensaiar mais, nos dedicar mais, pois queremos mais respaldo para quem sabe no ano que vem, ficarmos entre os cinco melhores do Estado”, salientou Lisandra ao ressaltar: “Que os pais incentivem seus filhos a irem para o CTG, pois é muito legal, é um local onde eles aprendem a ter respeito, se dedicar, ter compromisso e buscar cada vez mais o seu melhor”, pontuou.

 

A patroa encerra explanando sobrea fé. “Nos apegamos à Nossa Senhora Aparecida, rezamos muito para ela e parecia que realmente ela estava acompanhando o grupo, porque aconteceram vários percalços e ela nos protegeu. O grupo foi com muita fé e quem não era tão devoto acabou ficando, porque ela trouxe para nós muita luz, muita alegria”, concluiu.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome

SIGA-NOS

42,064FãsCurtir
11,807SeguidoresSeguir
1,140InscritosInscrever

ÚLTIMAS

error: Alerta: Conteúdo protegido contra cópia. Utilize nossos botões de compartilhar.