Essa matéria é exclusiva para assinantes do jornal digital.

Já sou assinante do jornal digital!

InícioDestaqueDiagnóstico da educação no estado causa preocupação

Diagnóstico da educação no estado causa preocupação

Índice de aprendizagem adequada em matemática no ensino médio é de apenas 1%

Por Fabiana Borelli

A Secretaria Estadual da Educação (Seduc) realizou no mês de março a avaliação diagnóstica “Avaliar é Tri RS”, para fazer um diagnóstico da aprendizagem dos alunos do 2º ano do ensino fundamental, ao 3º ano do ensino médio, nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática.

- Advertisement -

A prova contou com a participação de 624 mil estudantes de 2.147 escolas estaduais, com aproximadamente 80% dos estudantes. Foram aplicados questionários dos componentes curriculares de Língua Portuguesa e Matemática, sendo que os testes foram realizados somente de forma impressa e no modo presencial nas instituições de ensino da rede.

Do 2º ao 4º ano do ensino fundamental foram aplicadas 40 questões. Do 5º ao 6º ano do ensino fundamental foram aplicadas 44 questões. Já o 7º, o 8º e o 9º do ensino fundamental, juntamente com o ensino médio, receberam 52 questões.

A secretária estadual da Educação, Raquel Teixeira, ressaltou durante a divulgação dos resultados que a avaliação diagnóstica é uma importante ferramenta para mitigar as perdas de aprendizagem ocorridas na pandemia. “O impacto da pandemia para as crianças em fase de alfabetização foi muito severo. E com essa ferramenta poderemos buscar soluções para diminuir essa perda”.

 

Resultados preocupantes

A avaliação proporcionou retrato da defasagem na aprendizagem, sobretudo em matemática, que teve resultado muito preocupante, sendo que pelo resultado apresentado no último ano do ensino médio, somente 1% dos alunos têm avaliação adequada.

A pandemia agravou o quadro, mas o que os dados da Educação do Estado mostram é que ano após ano, o Rio Grande do Sul vem perdendo posição nos rankings. Antes da pandemia os dados apontavam que somente 4% dos estudantes do último ano do ensino médio tinham aprendido o desejado em matemática.

E a secretária afirmou: “Uma perda de dois a três anos todo mundo teve, mas há casos em que se perdeu de cinco a dez anos no período em que estivemos com as escolas fechadas”.

O Estado já tem pronto um plano de ação para recuperar o terreno perdido, mas o processo é lento. Será necessário um esforço emergencial da Secretaria da Educação para envolver os professores nessa missão.

Entre as medidas anunciadas por Raquel estão programas como o Aprende Mais, com o aumento da carga horária de Língua Portuguesa e Matemática, a contratação de mais quatro mil professores para essas áreas, a bolsa formação para os docentes, o uso de tecnologias digitais e a preparação de professores para lidar com os aspectos cognitivos e emocionais.

Para o ensino médio, a solução proposta pelo governo é de um ano adicional, facultativo, entre maio e dezembro, chamado de Escolha Certa. Além do necessário reforço em matemática e português, sendo que esses estudantes terão aulas de inglês e o chamado “projeto de vida”, de preparação para o trabalho, com preparação para o mundo digital.

Alunos da Escola Getúlio Vargas fazem apresentação de trabalho

 

Dados da região

Após a divulgação dos resultados, o Eco Regional contatou as Coordenadorias Regionais de Educação solicitando os resultados das escolas estaduais dos municípios os quais o jornal circula.

Porém, nenhuma delas forneceu os dados completos. A 25ª CRE de Soledade e a 3ª CRE de Estrela informaram média geral das escolas de cada coordenadoria. Já a 7ª CRE não enviou resposta.

A coordenadora regional de Educação da 3ª CRE de Estrela, Cássia Cristina Procat Benini, informou que de acordo com os dados repassados pelo Centro de Apoio à Educação à Distância (CAED), responsável pela elaboração e análise das avaliações, a média geral dos educandários  da 3ª região escolar, que compreende 82 escolas, distribuídas em 32 municípios, obtiveram os seguintes resultados:

No componente curricular Língua Portuguesa, no ensino fundamental na proficiência adequado/ avançado, totaliza o percentual de 43,75% e, em Matemática, totaliza o percentual de 33,25%.

No componente curricular Língua Portuguesa, no ensino médio na proficiência adequado/avançado, totaliza o percentual de 23,68% e, em Matemática, totaliza o percentual de 6,4%.

Quanto às escolas que pertencem a 25ª CRE, a coordenadora adjunta e coordenadora pedagógica, Marta Tolotti, afirma que as notas ficaram na média, mas não explicou se em comparação com os resultados do Estado ou uma nota média. “Nós ficamos dentro da média, pouquíssimas escolas ficaram abaixo da média. As que ficaram abaixo são as de campo, pois nestas há falhas de internet, o que dificultou o acesso, mas as nossas escolas ficaram dentro da média”.

Ela afirmou que não poderia informar o resultado por escola. “Nós não podemos informar os dados por escola, cada uma tem o acesso aos seus dados, mas divulgar os dados por escola não podemos, não queremos expor as escolas, pois cada uma tem as suas particularidades e dificuldades, portanto é delicado expor”.

Ela continuou: “Sabemos que o que causou essa defasagem foi a pandemia e as aulas remotas, quando nem todos os alunos tinham acesso aos conteúdos com facilidade. Já estão sendo aplicadas nas escolas estratégias para a recuperação, não podemos culpar ninguém, por isso não queremos expor”.

 

Fatores causadores da defasagem

A diretora da Escola Estadual de Ensino Médio Getúlio Vargas, de Fontoura Xavier, Angeli Casagrande, afirma que o resultado da avaliação é preocupante, e afirma que são vários os motivos que causaram essa defasagem. “Vejo com uma certa preocupação, natural como educadora, porém foram muitos os fatores que contribuíram para esse resultado, como o distanciamento físico devido à pandemia, dificuldades de acesso à internet por parte das famílias, e também a falta de investimento”.

Diretora acredita que os resultados negativos são porque a avaliação foi feita no início do ano letivo

Mas afirma: “Porém, esse desempenho abaixo da média que incidiu especialmente sobre os últimos anos do ensino médio, teve sim, o impacto ocasionado pela pandemia, com esse longo período sem aulas presenciais, que contribuiu para acentuação do baixo desempenho dos alunos do ensino médio em Matemática”.

Angeli ressalta que é preciso ter paciência e perseverança para a retomada da aprendizagem. “Acredito que deve ser respeitado o tempo de retomada de professores e alunos, esse ano a avaliação veio logo no primeiro mês de aula, quando os alunos não haviam tido tempo de entrar em contato com a explicação do professor e melhorar seu entendimento para então realizar uma avaliação de sua aprendizagem. A implementação do Aprende Mais, um programa de recuperação e aceleração da aprendizagem é uma das medidas que buscam suprir essa defasagem, no entanto, os ciclos são ministrados em horários de aula e acabam acarretando, por vezes, numa carga de trabalho maior para os educadores”.

Ela afirmou ainda que não teve acesso ao resultado da escola.

Veja os resultados da avaliação

Ensino Fundamental Séries Iniciais
Ano Disciplina Abaixo do Básico Básico Adequado Avançado
2º Ano Lingua Portuguesa 21% 43% 17% 18%
3º Ano Lingua Portuguesa 26% 41% 19% 14%
4º Ano Lingua Portuguesa 27% 25% 13% 34%
5º Ano Lingua Portuguesa 27% 25% 14% 33%
2º Ano Matemática 11% 51% 20% 17%
3º Ano Matemática 32% 36% 17% 14%
4º Ano Matemática 49% 24% 8% 17%
5º Ano Matemática 43% 25% 11% 20%
6º Ano Lingua Portuguesa 35% 28% 11% 26%
7º Ano Lingua Portuguesa 31% 25% 14% 30%
8º Ano Lingua Portuguesa 33% 29% 13% 24%
9º Ano Lingua Portuguesa 40% 29% 13% 17%
1º Ensino Médio Lingua Portuguesa 57% 21% 6% 15%
2º Ensino Médio Lingua Portuguesa 62% 15% 6% 17%
3º Ensino Médio Lingua Portuguesa 62% 18% 6% 13%
6º Ano Matemática 52% 23% 9% 15%
7º Ano Matemática 62% 20% 7% 10%
8º Ano Matemática 71% 17% 4% 7%
9º Ano Matemática 80% 12% 3% 5%
1º Ensino Médio Matemática 85% 10% 2% 2%
2º Ensino Médio Matemática 91% 5% 1% 1%
3º Ensino Médio Matemática 92% 4% 1% 2%

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome

SIGA-NOS

42,064FãsCurtir
11,807SeguidoresSeguir
1,140InscritosInscrever

ÚLTIMAS

error: Alerta: Conteúdo protegido contra cópia. Utilize nossos botões de compartilhar.