Essa matéria é exclusiva para assinantes do jornal digital.

Já sou assinante do jornal digital!

InícioDestaqueFamília de desaparecido aguarda perícia há um ano

Família de desaparecido aguarda perícia há um ano

  • Uma ossada encontrada perto de Soledade pode ser de Vanderlei Ilha, desaparecido em Ilópolis há três anos

A família de Vanderlei Ilha ainda espera notícias do que aconteceu com ele. No dia 28 de janeiro completou três anos de seu desaparecimento.

A irmã de Vanderlei, Jussara Ilha, conta que essa situação é muito angustiante, principalmente para os pais. “Desde que ele sumiu, estamos atrás de notícias, queremos saber o que aconteceu. A polícia sempre nos atende muito bem, mas dizem que não têm nada. Meus pais estão cada dia mais ansiosos por notícias”.

Uma esperança de resolver o caso surgiu quando, há aproximadamente um ano, foi encontrada perto de Soledade uma ossada, que pode ser de Ilha. “Quando encontraram essa ossada, uma amiga que mora em Soledade me ligou e disse que, pelas características que tinham divulgado, poderia ser do meu irmão. Então, entramos em contato com a delegada Fabiane Bitencourt e ela pediu que levássemos meus pais lá para recolher material para DNA, e assim fizemos”.

- Advertisement -

No entanto, desde então, a família não tem resposta. “O material foi coletado no dia 25 de fevereiro de 2021 e, desde lá, estamos aguardando a perícia. Semana que vem completa um ano, nós esperávamos uma resposta mais rápida, mas, quando questionamos a Polícia Civil, responderam que precisamos aguardar a perícia, que será feita em Porto Alegre”.

Jussara ressalta: “Nós sabemos que a delegada Fabiane está fazendo tudo o que é possível para nos ajudar, mas não depende só dela. Só que precisamos de uma resposta para podermos colocar um ponto final nesse sofrimento”.

Acompanhamento da polícia 

A delegada Fabiane afirma que o caso tem sido acompanhado pela Polícia Civil. “Acompanhamos o caso do Vanderlei semanalmente e solicitamos ao pessoal de Porto Alegre o resultado. Reiteramos a necessidade do retorno dessa perícia, mas infelizmente não depende de nós, pois eles que fazem a análise do material para o exame”.

“A família do Vanderlei tem feito contato comigo toda semana e nós, da Polícia Civil, estamos tentando agilizar, pois sabemos que eles precisam de uma resposta. Esperamos que nos próximos meses esse resultado seja disponibilizado”, conclui a delegada.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome

SIGA-NOS

42,064FãsCurtir
11,807SeguidoresSeguir
1,140InscritosInscrever

ÚLTIMAS

error: Alerta: Conteúdo protegido contra cópia. Utilize nossos botões de compartilhar.