InícioDestaquePrograma Juro Zero subsidia mais de R$ 350 milhões para micro e...

Programa Juro Zero subsidia mais de R$ 350 milhões para micro e pequenas empresas

Quase 15 mil contratos viabilizaram a circulação dos recursos na economia de todas as regiões

O programa Juro Zero RS, do Avançar no Desenvolvimento Econômico do Governo do Estado, atingiu a marca de R$ 356,6 milhões em financiamentos em menos de três meses de operações.

Idealizado pela Sedec e operacionalizado pelos bancos de fomento vinculados à Pasta, Badesul e BRDE, com o apoio das cooperativas de crédito Sicredi, Cresol e Sicoob, o programa tem até o momento 14.984 contratos finalizados em todo o estado. O programa é limitado a um contrato por empresa.

- Advertisement -

O governo gaúcho aportou R$ 100 milhões para subsidiar os juros dos empréstimos concedidos à microempreendedores (ME), microempreendedores individuais (MEI) e empresas de pequeno porte gaúchas (EPP). Considerando o cenário atual de SELIC, do total disponibilizado, R$ 68,75 milhões já foram comprometidos com os contratos já finalizados. Do total para subsídio exclusivo para os MEIS, restam ainda R$ 5,25 milhões que podem alavancar R$ 38 milhões em financiamentos e o restante, R$ 26 milhões, já estão comprometidos com contratos aprovados que estão aguardando formalização.

Os valores limites de operação para cada porte são de R$ 10 mil para MEI, R$ 30 mil para ME e R$ 100 mil para EPP. Sobre os prazos de pagamento, todas as empresas possuem três meses de carência e os MEI podem realizar o parcelamento em até 12 vezes, enquanto os ME e EPP em até 36 vezes.

A expectativa é de que o programa promova a circulação de R$ 500 milhões nas empresas gaúchas, facilitando o acesso ao crédito. Os bancos ainda analisam cerca de duas mil solicitações de empréstimos no programa que devem ser processadas até o final do mês de abril.

Vale do Taquari

Segundo o levantamento realizado pelos operadores do programa Avançar no Desenvolvimento Econômico – Juro Zero, quase R$ 51,5 milhões foram emprestados para 1.930 micro e pequenas empresas do Vale do Taquari. Os 13 municípios que aprovaram o maior volume de recursos foram Anta Gorda, Arroio do Meio, Arvorezinha, Capitão, Dois Lajeados, Encantado, Estrela, Ilópolis, Lajeado, Muçum, Putinga, Roca Sales e Teutônia. Estes totalizaram uma movimentação de R$ 41,5 milhões, e tiveram mais de 1.535 contratos finalizados para contratação. Até 25 de abril, o programa Juro Zero disponibilizou mais de R$ 356 milhões em todo o Estado em 14,9 mil operações.

 Alto da Serra do Botucaraí

Por meio do mesmo programa, R$ 13 milhões foram emprestados para 464 micro e pequenas empresas da região Alto da Serra do Botucaraí. Os três municípios que aprovaram o maior volume de recursos foram Campos Borges, Espumoso e Soledade. Estes totalizaram uma movimentação de R$ 7,9 milhões, e tiveram mais de 247 contratos finalizados para contratação.

Segue abaixo, tabela de valores e quantidade de contratos por município.

 

Anta Gorda  R$   3.000.000,00 92
Arvorezinha  R$ 1.060.000,00 35
Doutor Ricardo  R$    750.000,00 25
Encantado  R$ 9.558.000,00 344
Ilóplis  R$ 2.760.000,00 99
Lajeado  R$ 4.507.000,00 190
Putinga  R$ 2.021.000,00 72
Soledade  R$   3.063.900,00 96

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome

SIGA-NOS

42,064FãsCurtir
11,807SeguidoresSeguir
1,140InscritosInscrever

ÚLTIMAS

error: Alerta: Conteúdo protegido contra cópia. Utilize nossos botões de compartilhar.