Seis estabelecimentos de Nova Alvorada são fiscalizados

749
Mais de duas toneladas de produtos foram descartadas

Durante a quarta-feira, 17, uma ação da Força-Tarefa do Programa Segurança Alimentar, fiscalizou seis estabelecimentos no município de Nova Alvorada.

No total, mais de duas toneladas de produtos sem condições de consumo foram descartadas. Entre os principais problemas encontrados estão: produtos fora do prazo de validade, com embalagens danificadas e até remendadas, fora da temperatura ideal, produtos sem certificado de origem, estragados, armazenados de forma incorreta, embutidos fabricados clandestinamente e até medicamentos vendidos de forma irregular, fracionados e até vencidos.

Participaram da operação o coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco – Segurança Alimentar), Alcindo Luz Bastos da Silva Filho, o promotor de Justiça de Marau, Fabricio Gustavo Allegretti, representantes das Vigilâncias Sanitárias Municipal de Nova Alvorada, Secretaria de Estado de Agricultura e de Saúde.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome