Sicredi Região dos Vales projeta liberar R$ 175 milhões para a safra 2018/2019

156
Família Santer, de Relvado, tem realizado importantes investimentos no empreendimento leiteiro. Projetos contam com recursos do crédito rural concedidos pelo Sicredi

Segundo estimativa do Sicredi Região dos Vales, que tem sua sede em Encantado, cerca de R$ 175 milhões deverão ser concedidos em crédito rural para a safra 2018/2019 nos 18 municípios de sua área de abrangência.

A previsão é disponibilizar R$ 109 milhões para operações de investimento e outros R$ 66 milhões para operações de custeio e comercialização. Os valores, que representam um incremento de 48% em relação à safra passada, devem atender mais de três mil produtores rurais associados, viabilizando culturas como as de milho, soja, erva-mate e uva, e atividades como pecuária, aves e suinocultura.

Dos R$ 175 milhões projetados, grande parte deverá ser proveniente do Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), recursos estes que estimulam a geração de renda, o acesso a tecnologias e a produtividade nas propriedades rurais familiares, que hoje representam a realidade da grande maioria dos produtores da região.

Exemplo da importância dos recursos concedidos para o crédito rural do Sicredi é a família Santer, de Linha Barra Grande, interior de Relvado. Com planejamento, desde 2000 eles decidiram priorizar a atividade leiteira. Em 2014, fizeram investimento no confinamento de animais, sala de ordenha e resfriador para ganhar em produção. A propriedade de 50 hectares de terras, sendo 33 dedicados à produção de leite, é conduzida pelo pai Renato (53 anos), a mãe Osmeri (48 anos) juntamente com os filhos Renan (26) e Oberdan (21). “Temos 48 animais em lactação e uma produção de 1,5 mil litros de leite por dia. O nosso projeto de confinamento é de chegar aos 60 animais em uma produção de 2 mil litros por dia. Com o confinamento, conseguimos reduzir a mão de obra, pois tudo é feito com o auxílio de máquinas e tivemos um grande ganho na propriedade”, conta Renan.

Com uma relação de 18 anos com o Sicredi, iniciada pelo pai Renato, a família sempre contou com o apoio da Instituição na hora de realizar os seus planos. “O Sicredi é um parceiro que temos. Sempre que buscamos investir na propriedade contamos com o auxílio do Sicredi, que viabiliza nossos projetos”, ressaltam.

Todo o investimento realizado pela família na propriedade só foi possível, pois os dois filhos decidiram permanecer na atividade e fazer da agricultura o seu negócio, assim como o dos pais. Os dois acreditam na sucessão rural como um caminho acertado para quem vive no meio agrícola. “A agricultura será sempre necessária. Temos que olhar para a nossa propriedade como um negócio, enfrentar as dificuldades, evoluir e crescer. Para quem busca conhecimento e se moderniza, o futuro sempre será bom e a propriedade sempre dará bons resultados”, afirmam os filhos Renan e Oberdan.

Para o diretor executivo do Sicredi Região dos Vales, Roberto Scorsatto, os recursos projetados para a safra 2018/2019 refletem novamente o compromisso da instituição com as atividades econômicas dos associados e com o desenvolvimento da região. “O agronegócio tem uma importância significativa na economia regional. Apoiar e fomentar o setor faz parte da forma de atuação do Sicredi, afinal, estes recursos também movimentam os demais setores econômicos, gerando mais oportunidades em nossas comunidades”, afirma Scorsatto.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome