TJ concede habeas corpus a suspeito de envolvimento no caso Potrich

0
119
Suspeito foi preso dia 23 e solto no dia 31 de janeiro

Atendendo ao pedido da defesa, o desembargador Honório Gonçalves da Silva Neto, da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, concedeu habeas corpus para o suspeito de envolvimento no caso do desaparecimento de Jacir Potrich. O advogado Paulo Olímpio Gomes de Souza afirma que, por se tratar de uma prisão temporária, sem que reste risco de fuga ou de atrapalhar o desenvolvimento do inquérito, e sem que – diz – existam provas concretas, não há motivo para mantê-lo preso por mais de cinco dias. O suspeito foi preso em Capão da Canoa, quarta-feira, 23. Ele sairá do presídio, nesta tarde de quinta-feira e irá para Porto Alegre, em uma residência da família.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome