Essa matéria é exclusiva para assinantes do jornal digital.

Já sou assinante do jornal digital!

InícioDestaqueCCE será ampliado para aumentar a capacidade e dar mais conforto aos...

CCE será ampliado para aumentar a capacidade e dar mais conforto aos internos

O Centro de Cuidado Especial (CCE), de Ilópolis é uma referência na região quando o assunto é cuidado com idosos. O administrador do Hospital Leonilda Brunet e do CCE, Fernando da Gama, fala sobre a ampliação do espaço destinado a abrigar e cuidar de idosos.

“O CCE está no seu limite máximo de atendimento, por isso há a necessidade de algumas reformas. Hoje temos uma sala pequena que já não comporta a quantidade de idosos. Então desde que foi construído o segundo módulo em 2017 estamos trabalhando para ter os recursos para ampliar o Centro”.

De acordo com o administrador, essa reforma trará mais qualidade de vida aos idosos. “Vamos construir mais 370 metros quadrados, vai ser mais quatro quartos e uma área ampla para a sala, onde vamos montar uma estrutura para os idosos fazer atividades no inverno, ou em dias de chuva. Será uma área de recreação, de entretenimento, com a qual conseguiremos dar mais conforto e mobilidade para os idosos”.

Da Gama continua: “Teremos também uma área maior para a fisioterapeuta trabalhar, poderemos fazer atividades em grupo, e isso vai melhorar a qualidade de vida dos vovôs, e esse é o nosso objetivo”.

Início da obra

A obra teve início na última semana e segundo o administrador não tem prazo para término. “Agora estamos fazendo a terraplenagem, e após iniciaremos a construção do novo módulo, apenas estamos esperando a finalização do terraplenagem que a Secretaria de Obras está fazendo e depois a liberação para construir, mas já em outubro iniciamos”.

Ele continua: “O investimento na obra vem de recursos do próprio CCE, das atividades que são separadas do hospital. A ampliação custará em torno de R$ 400 mil. Como é uma obra grande ela será demorada, não temos previsão de término, mas o importante é que quando concluída trará mais qualidade de vida para todos os internos”.

Com a reforma será possível aumentar a capacidade, mas Da Gama salienta que o mais importante é oferecer um bom atendimento. “Hoje temos 31 internados, podemos chegar aos 34, atendemos toda a região, temos idosos de Soledade, Encantado, Guaporé, entre outros. Nós buscamos sempre oferecer um ótimo atendimento, e com isso as pessoas divulgam o nosso trabalho e nos tornamos referência, então essa ampliação é necessária”.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome

SIGA-NOS

42,064FãsCurtir
11,807SeguidoresSeguir
1,140InscritosInscrever

ÚLTIMAS

error: Alerta: Conteúdo protegido contra cópia. Utilize nossos botões de compartilhar.