Amasbi se manifesta sobre possível fechamento da 25ª CRE de Soledade

65

Preocupados com o possível fechamento da 25ª Coordenadoria Regional de Educação, a Associação dos Municípios do Alto Serra do Botucaraí (Amasbi) redigiu um ofício para ser entregue ao governador Eduardo Leite. Na quinta-feira, 31, representando a entidade, o prefeito de Victor Graeff, Cláudio Alflen, protocolou o documento na Casa Civil e Secretaria da Educação.

No ofício é exposto que o Alto da Serra do Botucaraí é uma das regiões mais pobres do Rio Grande do Sul, possuindo um dos piores índices de desenvolvimento econômico e social. Também detém as mais altas taxas de analfabetismo. “Diante disto, necessitamos de uma especial atenção nos planos e projetos a serem desenvolvidos pela Secretaria Estadual de Educação”, afirma o presidente e prefeito de Mormaço, Rodrigo Jacoby Trindade.

O eventual fechamento da 25ª CRE, segundo o presidente, vai agravar a já difícil realidade da região. “Dificultará, sobremaneira, o desenvolvimento das políticas públicas e as atividades rotineiras que envolvem o funcionamento das unidades escolares e Secretarias Municipais de Educação, entre outros”, justificou.

Por fim, Trindade acredita que, qualquer modificação da atual estrutura administrativa da Seduc deverá ser previamente discutida com as administrações e comunidades regionais envolvidas. “Uma medida precipitada ou mal decidida poderá acarretar em prejuízos irrecuperáveis. Por isso, estamos vigilantes e atuantes para que não se efetive essa decisão”, concluiu o presidente da Amasbi.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome