InícioDestaqueComeça a adesão de municípios ao programa Geração Consciente

Começa a adesão de municípios ao programa Geração Consciente

Ranolfo destacou a metodologia do programa como um dos principais trunfos para atingir o público jovem – Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini

O governador Ranolfo Vieira Júnior participou, nesta quarta-feira (11/5), no Palácio Piratini, da assinatura de adesão de municípios ao programa Geração Consciente. A iniciativa tem o objetivo de reduzir os índices de infecções sexualmente transmissíveis (IST) entre a população jovem no Estado.

O Geração Consciente é fruto do projeto “Tecnologias sociais inovadoras de educação e saúde para a prevenção das IST e aids em jovens”, lançado pelo governo do Estado e pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) no Brasil, no início de 2020. Em razão da pandemia, a licitação do programa e o desenho metodológico só se concretizaram no ano seguinte.

- Advertisement -

Em 2022, com a elaboração dos recursos pedagógicos e o início da adesão dos municípios, o projeto entra em fase de execução. O Geração Consciente consiste em um jogo cultural e educativo entre escolas da rede pública de ensino do Rio Grande do Sul em 21 municípios prioritários.
Ranolfo destacou a metodologia do programa como um dos seus principais trunfos para atingir o público jovem e promover consciência. “Quando lidamos com jovens em projetos de saúde e educação, é preciso pensar em estratégias e metodologias para que eles se interessem pela proposta. Não podemos esperar que se envolvam se a linguagem usada não dialoga com o universo deles”, disse o governador.

Os municípios aptos a participarem do programa são aqueles que já estavam integrados ao programa RS Seguro no momento do lançamento do projeto em 2020, tendo em vista os indicadores de violência e vulnerabilidade social, e mais três municípios de fronteira, que juntos, detêm as maiores taxas de infecção de HIV/aids no Rio Grande do Sul. Durante a cerimônia desta quarta (11), os municípios de Capão da Canoa, Novo Hamburgo e Sapucaia do Sul já assinaram a adesão ao programa.

Serão realizadas atividades durante o ano letivo para tratar sobre temas de saúde e prevenção das IST, HIV/aids. Entre os assuntos que serão abordados com os cerca de 35 mil adolescentes que devem participar do projeto, estão aprendizagem socioemocional, saúde sexual e reprodutiva, uso abusivo de álcool e outras drogas, diversidade, estigma e discriminação, violência, bullying e planejamento de vida.

“Esse projeto promove uma formação para a vida para os adolescentes participantes”, disse a secretária Arita Bergmann – Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini

“Mais que formação de conhecimento, esse projeto promove uma formação para a vida para os adolescentes participantes”, disse a secretária da Saúde, Arita Bergmann. “É fundamental criar espaços para a juventude realizar seus sonhos”.

A metodologia do projeto é baseada em técnicas de “gameficação”, transformando os assuntos em jogos, no qual cada atividade valerá pontos. Ao final do ano, as cinco escolas com maior pontuação receberão prêmios destinados aos alunos e professores, e participarão de uma final em forma de programa de auditório.

“Continuamos com cenário epidemiológico desfavorável, apesar de ter todos os recursos de profilaxia disponíveis, pois são outros aspectos, como cultural e emocional, que impactam nesses dados”, disse a médica Letícia Ikeda, do serviço de atenção especializada em HIV/aids do Hospital Sanatório Partenon. “A tecnologia de gameficação traz engajamento. Além dos alunos que serão impactados diretamente pelo programa, prevemos atingir indiretamente, por meio das redes sociais e do conteúdo de qualidade que levaremos à rede, mais cerca de 200 mil jovens”, completou.

Os municípios poderão se inscrever até o dia 17 de maio, e indicar as escolas participantes. Para as escolas, o prazo de inscrição vai de 19 a 24 de maio. As inscrições podem ser feitas pelo site www.geracaoconsciente.com.br.

Texto: Marília Bissigo/Ascom SES e Thamíris Mondin
Edição: Marcelo Flach/Secom

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome

SIGA-NOS

42,064FãsCurtir
11,807SeguidoresSeguir
1,140InscritosInscrever

ÚLTIMAS

error: Alerta: Conteúdo protegido contra cópia. Utilize nossos botões de compartilhar.