Maio laranja: campanha de conscientização sobre o abuso sexual de crianças e adolescentes.

69

No dia 18 de maio, é celebrado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, instituído pela Lei Federal nº 9.970 de 2000. A data busca sensibilizar e informar a sociedade para ações que garantam à crianças e adolescentes o direito ao desenvolvimento de sua sexualidade de forma segura, livre do abuso e exploração.

O assunto abuso sexual de criança e adolescente é sempre muito delicado. Atualmente, as pessoas estão falando mais sobre o assunto. Muita gente, depois de adulta, tomou consciência do que ocorreu e tem buscado terapia e ajuda para lidar com os traumas que, muitas vezes, nem sabiam que tinham. Isso tem significado um rompimento de barreiras muito importante e encorajado muitas vítimas a falar e a procurar ajuda.

Em 2019, o Brasil registrou mais de 17 mil casos de violência sexual contra crianças e adolescentes, e, desde então, os números têm crescido de maneira exorbitante, principalmente durante a pandemia, já que os menores têm passado a maior parte do tempo em casa, onde ocorre cerca de 73% dos casos.

Também precisamos ter em mente que a vítima jamais deve ser apontada como culpada, independente do contexto inserido. O abuso de uma menina de treze anos que estava usando um short não deve ser tratado diferente do abuso se uma criança de seis anos em casa. Julgar o adolescente que sofre exploração sexual passa por outro traço da cultura do machismo: a de que a vítima “ficou provocando” e “já sabia o que estava fazendo”. A normalização dos abusos causa um silenciamento de quem assiste ou sabe destes casos, ou seja, muitos casos sequer são notificados.

Fique atento aos sinais. Uma criança mostrar desconforto perto de um adulto conhecido pela família não deve ser ignorado nem considerado algo normal. Não podemos controlar os abusadores, mas podemos nos certificar que nossas crianças consigam identificar atitudes suspeitas, orientar a defesa e sempre serem abertas a conversas; passar confiança aos menores.

O disk 100 está 24 horas aberto para denúncias. Não podemos ficar calados.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome