Produtores cobram uma solução urgente da Quinta do Vale

0
762

Alexandre Moresco é um dos produtores que lidera o grupo de 93 produtores que estão com pendência junto a Quinta do Vale

 

Já eram quase 10h, da segunda-feira, dia 11 de março, quando um grupo de produtores de leite do interior de Anta Gorda e de Doutor Ricardo se aglomeravam em frente a prefeitura de Doutor Ricardo a espera de um interventor judicial, que viria participar de uma reunião com os produtores para apresentar uma solução para a liquidação das dívidas da Quinta do Vale com os produtores de leite, marcada para às 8h.

Foi quando o produtor de leite Alexandre Moresco falou a reportagem do Eco que acompanhava as movimentações.

Moresco exaltado afirmava que aquilo representava o descaso com que os produtores estavam sendo tratados. “O que sabemos é o que ouvimos falar, ninguém nos passou uma posição oficial. Sabemos que a Dom Miro comprou a planta da Quinta do Vale e a Quinta do Vale ainda tem valores em haver da Dom Miro. Nós fizemos um acerto com a Quinta do Vale que está muito defasado, eles demoraram três a quatro meses para fazer o acerto, parcelaram em 24 vezes, com a emissão de promissórias, Destas, pagaram duas ou três parcelas e não pagaram mais”, relatou Moresco.

Segundo Moresco, o Cenci, diretor da Dom Miro teria falado com praticamente todos os produtores que não ia ter problema, que ele assumiria se caso a Quinta do Vale não pagasse. “Inclusive, pensando bem eu acredito que este negócio já foi feito de má fé, pelo seguinte: Sabendo que a Quinta do Vale deve para os produtores, porque não assumiram de pagar os produtores, o pessoal está revoltado, todo mundo precisando do dinheiro, pagando juro, um dinheiro muito sofrido. E dai uma pergunta: A Dom Miro vai pagar a Quinta do Vale sem o nosso produto? Eu acho que não né. E é isso que eles não estão pensando. E 99% se não resolverem este problema os produtores não vão mais entregar o leite”, garantiu Moresco.

Deixe seu comentário