Essa matéria é exclusiva para assinantes do jornal digital.

Já sou assinante do jornal digital!

InícioMunicípiosArvorezinhaPessoas que não se vacinarem poderão ter entradas barradas

Pessoas que não se vacinarem poderão ter entradas barradas

O prefeito, Jaime Borsatto, anunciou em live que publicará decreto proibindo entrada de pessoas em vários estabelecimentos

Por meio de uma live realizada na página do Facebook da Administração Municipal de Arvorezinha, na manhã desta quarta-feira, 1 de setembro, o prefeito Jaime Borsatto, acompanhado da técnica em Enfermagem Mirian Vitalli, e da colaboradora da Unidade de Saúde, Karine de Paula, alertou a população de Arvorezinha quanto à vacinação contra a Covid-19.
Na sexta-feira, 3, será a última chamada para vacinação daquelas pessoas a partir de 18 anos, que ainda não receberam a primeira dose. “Estaremos dando a última oportunidade para aquelas pessoas que ainda não fizeram a vacina. Estamos aqui fazendo um apelo”, iniciou o prefeito.
Após, Borsatto comunicou que quem optar por não fazer a vacina deverá ter entrada barradas em vários estabelecimentos. “Já vou alertando que o município deverá fazer um decreto vedando essas pessoas que não se vacinaram, de entrar em estabelecimentos como posto de saúde, estádio de futebol, bares, restaurantes, bancos e outros. Será exigida a carteira de vacinação para essas pessoas ingressarem em tais locais. Se não estiver com as doses em dia, será vedada a entrada, pois esta pessoa estará oferecendo risco àquelas que se vacinaram, as quais podem ser contaminadas”, frisou.
Nesta sexta-feira, pela parte da manhã, das 8h às 11h, em frente à Unidade de Saúde do centro, serão aplicadas as segundas doses para pessoas que fizeram a primeira dose do laboratório AstraZeneca Fiocruz até 18 de junho; para pessoas que fizeram a primeira dose do laboratório Pfizer até 25 de junho; e para as pessoas que fizeram a primeira dose do laboratório Butantan (Coronavac) até 6 de agosto. “É importante as pessoas olharem a carteira de vacinação que entregamos na primeira dose e venham fazer a segunda. Sabemos que a imunização só será completa a partir da aplicação da segunda dose”, disse Mirian.
Já na parte da tarde, das 13h às 17h, também em frente à Unidade de Saúde do centro, ocorre então a última chamada para quem não aplicou a primeira dose vacina. “O município não irá mais receber primeiras doses. E para não haver a desculpa de quem trabalha durante o dia, a partir das 17h estaremos vacinando no plantão do posto de saúde do bairro até às 21h, ou até esgotarem as doses”, destaca Mirian. “Vemos a grande diminuição no número de casos em Arvorezinha – estamos com apenas um ativo – e isso se deve à vacinação. Com a chegada do verão as pessoas gostam de reunir, então, vacinem-se. Vacinas salvam vidas”, concluiu ela.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Por favor, informe seu nome

SIGA-NOS

42,064FãsCurtir
11,807SeguidoresSeguir
1,140InscritosInscrever

ÚLTIMAS

error: Alerta: Conteúdo protegido contra cópia. Utilize nossos botões de compartilhar.